Publicado por: Mario Feitosa | dezembro 19, 2011

Cultura Indígena é assunto de feira escolar na Escola Municipal José Sarney.

Alunos da Escola Municipal José Sarney realizaram dia 16/12/2011, uma feira sobre a cultura indígena, seguindo o plano de trabalho elaborado pelo grupo de trabalho do tema: Cultura e Identidade, Comunicação para a Igualdade Étnico Racial. O evento contou com a participação de dirigentes escolares, professores, alunos, pais de alunos, comissão Pró-Selo, mobilizadores  e comunidade. A feira apresentada pelos alunos foi uma demonstração do conhecimento que os próprios adquiriram, sobre a culinária, artesanato e utensílios, danças, costumes, plantas medicinais, receitas domésticas entre outras.

As turmas se dividiram por sala para apresentarem seus trabalhos.

Artesanato: Durante a apresentação os alunos apresentaram utensílios indígenas que são bem comuns aqui em Morros e que são muito utilizados como: Pilão, balaio, tapiti, Remo, gamela, peneira, cofo, abano, mensaba, cuia. Durante a apresentação os alunos fizeram de palhas da palmeira de babaçu uma pequena oca, onde demonstraram como os índios vivem, e os utensíliso de caça como: arco, flecha. Alguns materiais de exposição foram os próprios alunos que confeccionaram como a oca.

Culinária: As Crianças apresentaram vários tipos de frutas de origem indígenas e seus significados como: Cujuba, Jenipapo, pequi, cupuaçu, mandioca, ingá, e outros. Os alunos também apresentaram os trabalhos de pesquisas que eles realizaram com a ajuda das professoras, através de cartazes e fanzines a presença dos pais foi de significativa importância. A aluna Larissa do 1º ano fez uma leitura sobre a alimentação do povo indígena, falando sobre a importância de uma alimentação saudável.

Cada aluno falou sobre uma fruta e seu significado.

Para encerrar sua apresentação os alunos cantaram juntos a Música TU TU TU TUPI de Hélio Ziskina.

Danças e Rituais: Antes da apresentação dos alunos os convidados assistiram a um vídeo que mostrou como os índios se preparam e se preparam até hoje para as festividades, com pinturas pelo corpo, chocalhos, enfeites de penas de aves e outros.

Os pequeninos se vestiram com trajes típicos da cultura e apresentaram uma linda dança.

Plantas Medicinais: Visando o resgate da cultura indígena, os alunos apresentaram algumas plantas medicinais típicas dessa cultura e como ela está presente em nosso dia a dia, como: boldo, hortelã, cana da índia, quebra pedra, e mostraram como são utilizadas cada uma delas e para que servem.

Todas as plantas apresentadas foram trazidas pelos alunos de suas próprias casas, mostrando como é forte esta cultura e como ela se faz presente em nossas vidas. Os alunos também tiveram o cuidado em alertar sobre os cuidados com a dosagem certa de cada “medicamento”.

Em nossa Cidade não tem nenhuma aldeia indígena, mais está mais que provado que esta cultura faz parte do nosso dia a dia, a Escola José Sarney está de parabéns.

No encerramento da apresentação o Diretor da Escola pediu que alguns convidados falassem, e eu tive a oportunidade de falar o quanto tenho orgulho de ser Morruense e está contribuindo juntamente com os demais adolescentes e a comissão pró-selo, na pessoa da articuladora Gleice Medeiros, desta nova história aqui no meu município, a mobilizadora do tema a professora Aparecida e também o mobilizador do tema Convivência com o semiárido o professor Noel Ribeiro que estava presente, falou sobre os trabalhos que estão sendo desenvolvidos pelas escolas, e o quanto é importante mobilizarmos alunos, pais e comunidade na conquista do selo UNICEF e sua importância para o nosso Município.

 

O MUNDO TODO VAI VER O MEU MUNICÍPIO COM BONS OLHOS.

 

Maria da Saúde- Adolescente Mobilizada.

 

 

 

 

Anúncios

Responses

  1. Olá,
    Sou morruense, e estou muito orgulhosa de ver o projeto selo Unicef se desenvolvendo em nosso município através de atividades que só aumentam o valor de resgatar a cultura em nossa comunidade.
    Parabéns a todos que participaram e realizaram essas atividades, com certeza o aprendizado ficou nas crianças, adolescentes e comunidade em geral.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: